[Infográfico] A História de Bruce Lee

A História de Bruce Lee

Gostou da história de Bruce Lee?
Compartilhe este infográfico no seu site!

Bruce Lee
Voltando de Novo

Lee Jun-fan é o nome chinês de Bruce Lee, nascido em 27 de novembro de 1940, na cidade de São Francisco, nos Estados Unidos. Apesar de ter nascido no bairro de Chinatown, seus pais vieram de Pequim, na China.

A família de Bruce Lee já residia nos Estados Unidos quando o Japão ameaçava invadir Hong Kong durante a Segunda Guerra Mundial. Naquela época, seu pai estava em turnê com um grupo de ópera cantonesa, se apresentando em uma série de comunidades da mesma origem que a deles.

Todos acabaram regressando à China no mesmo ano do nascimento de Bruce Lee. Com apenas 3 meses de vida Lee voltou para Hong Kong, onde passou sua infância e sua adolescência ao lado de seus 4 outros irmãos.

Não muito após voltarem, o Japão concretizou as ameaças e deixou Hong Kong sob seu domínio por quase 4 anos. Até que tudo voltasse ao normal, o pai de Lee voltou a atuar como dentista enquanto o resto da família se manteve estável ao passo que a cidade passava por uma reconstrução.

Bruce Lee começou a aprender artes marciais desde muito cedo. Seu pai lhe auxiliava com os treinamentos de tai chi e kung fu.

Dos 13 aos 18 anos, Bruce Lee foi guiado pelo grande mestre Yip Man no Wing Chun, um sistema de luta oriundo do sul da China. Seu amigo William Cheung, quem apresentou o Wing Chun para Lee, não levou muito tempo para perceber como ele tinha facilidade em reproduzir os movimentos ensinados pelo mestre.

Na China, era tradição que os alunos mais experientes da escola lecionassem aos outros, mas foi nesse ponto que Bruce encontrou empecilhos. Ninguém queria continuar lhe ajudando com o estudo da luta em questão, pois demonstravam forte preconceito com a origem de sua mãe, considerando-a impura.

No entanto, Yip Man não ligava para o fato de o avô de Bruce ser alemão, e passou a se responsabilizar pelo progresso dele com o Wing Chun.

Os ensinamentos do mestre particular renderam a Lee habilidades altamente desenvolvidas para se proteger contra o ataque de gangues que dominavam as ruas de Hong Kong no pós-guerra.

Bruce Lee fez o primário na China, mas não tinha boas notas. Ao ser transferido para uma escola mais rígida, arranjou briga com um aluno de uma temida e poderosa família do país.

Seus pais, temendo por seu bem-estar, o mandaram de volta para os Estados Unidos para que pudesse continuar vivendo em paz e em segurança. Em 1959, Bruce Lee foi para São Francisco, já com posse de 2 títulos de campeão boxe, obtidos em 1957 e 1958.

O jovem retornou ao solo norte-americano com o intuito de receber educação superior e, alguns meses após morar com sua irmã Agnes em São Francisco, Bruce Lee se mudou para Seattle.

Em Seattle Lee trabalhou como lavador de pratos em um restaurante para que pudesse bancar os estudos na Universidade de Washington.

Entre os estudos de filosofia, teatro e psicologia, Bruce conheceu aquela que se tornaria sua esposa, Linda Emery. Os dois se casaram em agosto de 1964.

Bruce Lee ficou conhecido não somente por sua contribuição nas artes marciais, mas também pela forma com que as trouxe para o mundo do cinema.

Foi na indústria cinematográfica que o ator iniciou sua vida profissional, após o pai lhe conferir participações em alguns filmes quando ainda era criança.

Isso ocorreu graças à carreira consolidada de seu progenitor, Lee Hoi-Chuen, e de sua mãe, Grace Ho, na Ópera Chinesa.

Ainda lá, na cidade de Seattle, Bruce Lee começou a dar aulas de artes marciais. Foi durante a década de 1970 que suas aparições em produções de Hong Kong e Hollywood levaram os filmes para outro patamar por meio da inserção das lutas marciais chinesas no enredo.

Houve um período no qual Bruce decidiu se abster de participações em filmes. Entre 1959 e 1964, ele optou por se manter focado exclusivamente nas artes marciais.

Mas após participar de uma audição a pedido de William Lee Dozer, ele ganhou o papel do personagem Kato na conhecida série “O Besouro Verde”.

O show durou apenas uma temporada, mas Bruce acabou aparecendo em outros títulos, assim como “Ironside” e “Here Comes The Brides”.

Algumas outras obras cinematográficas das quais Bruce Lee fez parte:

  • O Menino – 1950
  • The Thunderstorm – 1957
  • Detetive Marlowe em Ação – 1969
  • O Dragão Chinês – 1971
  • O Voo do Dragão – 1972
  • Operação Dragão – 1973

A história de Bruce Lee está muito atrelada ao nome que Grace Ho, sua mãe, lhe deu. Lee Jun-fan significa “voltar de novo” – sua mãe sempre soube que algum dia o filho voltaria para os Estados Unidos quando tivesse condições e idade para isso. Bruce, na verdade, foi como a médica da maternidade chamou o pequeno bebê.

Infelizmente, Bruce Lee morreu com apenas 32 anos, em julho de 1973, vítima de um edema cerebral, deixando 2 filhos, Brandon e Shannon Lee.

Frases de Bruce Lee

  1. “Não existem limites. Existem degraus no caminho, mas você não pode parar. Deve ir além. Se algo te matar, matou. Um homem deve ir sempre atrás de superar seu limite.”
  2. “Escolha ser positivo. Você tem poder sobre isso. Você é mestre do jeito como age. Escolha ser positivo e construtivo. O pensamento positivo te guia para o sucesso.”
  3. “Equilibre seus pensamentos com ações. Se você passar muito tempo pensando, você nunca irá fazer nada.”
  4. “O que você sabe não tem valor, o valor está no que você faz com o que sabe.”
  5. “Eu não temo o homem que praticou dez mil chutes, eu temo o homem que praticou um chute dez mil vezes.”
  6. “Para mim a arte marcial perfeita significa expressar a si mesmo honestamente.”
  7. “Quem disse que precisamos conquistar a liberdade? A liberdade sempre esteve conosco e não é algo a ser ganho depois de seguir fórmulas específicas. Nós não nos tornamos, simplesmente somos.”

Gostou da história de Bruce Lee? Você também pode gostar da história de Ayrton Senna.

Baixe agora de graça antes que você perca a chance!

Sobre o autor

Rafael da Luz

Não existem limites, existe conhecimento. Você se torna capaz de alcançar qualquer sonho na vida quando aprende a se desenvolver como ser humano. O desenvolvimento pessoal é o caminho para que você realize tudo o que mais deseja na vida. Por isso, engrandeça.

Adicione um comentário

23 Compart.
Compartilhar
Twittar
WhatsApp
Pocket