A História de Warren Buffett

Infográfico feito por engrandece.com




Warren Buffett O Maior Investidor do Mundo Warren Buffett nasceu no dia 30 de agosto de 1930. Ele é o principal acionista, presidente do conselho e diretor executivo da Berkshire Hathaway. Buffett é considerado o mais bem-sucedido investidor de todos os tempos. Ele foi galgando degraus ao longo da vida até se tornar um dos homens mais ricos mundo, chegando a se tornar, em 2008,">

Infográfico feito por engrandece.com




Warren Buffett O Maior Investidor do Mundo Warren Buffett nasceu no dia 30 de agosto de 1930. Ele é o principal acionista, presidente do conselho e diretor executivo da Berkshire Hathaway. Buffett é considerado o mais bem-sucedido investidor de todos os tempos. Ele foi galgando degraus ao longo da vida até se tornar um dos homens mais ricos mundo, chegando a se tornar, em 2008,">[Infográfico] A História de Warren Buffett – Engrandece.com

[Infográfico] A História de Warren Buffett

[Infográfico] A História de Warren Buffett 1

Gostou da história de Warren Buffett?
Compartilhe este infográfico no seu site!

Warren Buffett
O Maior Investidor do Mundo

Warren Buffett nasceu no dia 30 de agosto de 1930. Ele é o principal acionista, presidente do conselho e diretor executivo da Berkshire Hathaway.

Buffett é considerado o mais bem-sucedido investidor de todos os tempos. Ele foi galgando degraus ao longo da vida até se tornar um dos homens mais ricos mundo, chegando a se tornar, em 2008, o homem mais rico do mundo.

E apesar de todo o sucesso, Buffett é um homem relativamente simples, ele vive em uma casa modesta, raramente troca de carro, nunca comprou um carro zero e não define a conta bancária como o exclusivo sucesso da vida dele.

Quando recém-nascido, Warren Buffett passou por dificuldades financeiras. Seus pais tinham dificuldade em manter a casa que era composta por ele e mais 2 irmãos.

Quando Buffett tinha cerca de 6 anos de idade, ele já possuía profundo conhecimento sobre a pobreza. E apesar das circunstâncias, o pequeno Warren Buffett já tinha se conformado com a sua realidade, e estava disposto a mudá-la. O primeiro sinal do seu comportamento proativo foi o desejo de ser vendedor.

Antes de chegar na adolescência Buffett vendia garrafas de Coca-Cola e obtinha um retorno de 20% sobre cada garrafa vendida. Foi naquele primeiro momento que ele aprendeu uma das lições mais importantes da sua vida: era possível mudar sua situação financeira através do trabalho.

Apesar do seu início vendendo alguns pequenos itens, Warren foi introduzido no mundo financeiro desde muito cedo. Aos 11 anos, Buffett comprou as suas primeiras ações em uma companhia de energia elétrica da época, por intermédio de seu pai.

Foi naquela época que Buffett teve a sua primeira e grande experiência no volátil mercado de ações. Em pouco tempo as ações da companhia elétrica desceram bruscamente, e logo depois subiram para um preço um pouco maior daquele que Buffett havia comprado.

Quando as ações subiram, a experiência como vendedor fez com que Warren vendesse tudo o que tinha, conseguindo um pequeno lucro. Apesar de ter faturado algum dinheiro, Warren se deparou com uma experiência única: após ter vendido suas ações, elas começaram a valer mais e mais.

Naquele momento o pequeno Warren Buffett ficou ligeiramente triste ao saber que poderia ter ido melhor. A partir dali ele passou a se dedicar a entender melhor o mercado financeiro.

No ensino médio Buffett já havia acumulado mais de U$90 mil dólares, uma quantia considerável para a época. O tempo foi passando e Buffett começou a nutrir um sonho: se tornar milionário antes dos 30 anos de idade.

Porém, seu pai, já conhecendo os riscos do mercado financeiro, aconselhou o filho para que ele continuasse a estudar para se formar em uma universidade.

Em 1950, aos 19 anos de idade, Buffett se formou em Economia. Depois disso ele ingressou na Escola de Negócios Columbia e se tornou Mestre em Economia em 1951.

Warren Buffett conta que, Benjamin Graham, um grande analista econômico, foi a segunda pessoa que mais influenciou sua vida. A primeira foi seu pai.

De maneira instintiva e natural, Warren Buffett passou a estudar tudo o que Graham ensinava. Com o tempo ele foi criando um “método” singular para os seus investimentos na bolsa, que se tornou fundamental e determinante para a sua visão de negócios.

Buffett se casou em com sua primeira esposa em 1952 e ao longo da vida teve 3 filhos.

Em 1962 Warren Buffett se tornou milionário, aos 31 anos de idade. Naquele momento ele investiu e adquiriu o controle da empresa têxtil Berkshire Hathaway.

Em 1973, Buffett começou a comprar ações do Washington Post.

Em 1977, Buffett adquiriu indiretamente o jornal Buffalo Evening News.

Em 1979, Buffett começou a comprar ações da ABC, uma famosa rede de mídia norte-americana.

Em 1998, Buffett comprou ações da Coca-Cola. Ele investiu cerca de U$1 bilhão e adquiriu 7% da companhia na época.

Buffett e sua companhia também possuem participação na Wells Fargo, American Express, IBM, Walmart, Procter & Gamble, Exxon Mobil, U.S. Bancorp, Moody’s Corp e Goldman Sachs, além de inúmeras outras empresas.

Em 2013, Warren Buffett e Jorge Paulo Lemann se uniram e compraram por quase U$30 bilhões a Heinz, uma famosa marca de ketchup e mostarda.

O maior legado de Warren Buffett está ligado à filantropia.

Em 2010, Warren Buffett e Bill Gates criaram o Giving Pledge e começaram a recrutar bilionários para que firmassem o compromisso de doar pelo menos metade de suas fortunas para a caridade, seja durante a vida, ou após morrerem.

Antes disso, em 2006, Buffett anunciou que quase todo seu patrimônio será doado para 5 fundações diferentes, sendo que a maior contribuição irá para a Fundação Bill e Melinda Gates.

Frases de Warren Buffett

  1. “Não importa quão grande o talento ou esforço, algumas coisas levam tempo.”
  2. “O risco vem de você não saber o que está fazendo.”
  3. “Não é necessário fazer coisas extraordinárias para conseguir resultados extraordinários.”
  4. “Conhecimento e constância valem mais do que dinheiro. Sem conhecimento você aposta no vento, e sem constância os seus ganhos são esporádicos. Una os dois para que você consiga resultados significativos em sua vida.”
  5. “Quero dar a meus filhos bastante dinheiro para que possam fazer o que quiserem, mas não dinheiro o bastante para que não façam nada.”
  6. “A diferença entre pessoas bem-sucedidas e pessoas realmente bem-sucedidas é que as pessoas realmente bem-sucedidas dizem não a quase tudo.”
  7. “Não guarde o que resta depois de gastar, mas sim gaste o que sobrou depois de guardar.”
  8. “Por algum motivo, as pessoas se baseiam nos preços e não nos valores. Preço é o que se paga. Valor é o que você recebe.”
  9. “Regra número 1: nunca perca dinheiro. Regra número 2: nunca esqueça a regra número 1.”
  10. “Se você não pode controlar as suas emoções, você não pode controlar o seu dinheiro.”
  11. “Você só tem que fazer poucas coisas certas na vida, desde que você não faça muitas coisas erradas.”

Gostou da história de Warren Buffett? Você também pode gostar da história de Stephen Hawking.

Garanta agora seu livro grátis para descobrir e copiar as 7 crenças que todas as pessoas de sucesso cultivam.

Sobre o autor

Rafael da Luz

Não existem limites, existe conhecimento. Você se torna capaz de alcançar qualquer sonho na vida quando aprende a se desenvolver como ser humano. O desenvolvimento pessoal é o caminho para que você realize tudo o que mais deseja na vida. Por isso, engrandeça.

Adicione um comentário

6 Compart.
Compartilhar
Twittar
WhatsApp
Pocket