Resumo do Livro O Poder da Ação (Paulo Vieira)

Resumo do Livro O Poder da Ação

Quantas vezes você se olhou no espelho e percebeu que não tem a vida que sempre sonhou?

Se você acredita que viver uma vida mediana é normal, reflita um pouco a respeito disso. Só porque o caminho comum nos leva à mediocridade, onde a vida é mais ou menos em todas as áreas, isso não quer dizer que a vida deva ser desse jeito.

Paulo Vieira, no livro O Poder da Ação, tem uma proposta ousada para que você consiga quebrar o ciclo vicioso para iniciar um caminho de realização estimulando a sua capacidade de agir, através de uma nova metodologia.

Descubra esta metodologia agora no resumo do livro O Poder da Ação.

ATENÇÃO
Antes de continuar a sua leitura você pode baixar gratuitamente o meu novo livro digital As 7 Poderosas Crenças Para Viver Uma Vida Sem Limites clicando aqui.

Acorde Para a Vida

Paulo Vieira aborda diversas pequenas ações que você precisa realizar todos os dias que têm um impacto gigantesco nas mudanças de vida que você almeja.

A primeira delas é acordar.

Tome ciência de onde você está e aonde deseja chegar.

A partir do momento em que você tem noção da sua realidade, você pode começar a agir para mudá-la.

Então aonde você deseja chegar?

A abundância é o melhor destino.

Em todas as áreas da sua vida você tem o poder de atingir resultados que são acima da média, mas para que isso aconteça é essencial que você tome as ações certas.

Muitas vezes isso é difícil de enxergar, até porque você assiste os noticiários e tudo que enxerga são tragédias.

Sendo assim, como a sua vida pode ser diferente?

É preciso olhar para a direção correta, aquela em que você não está destinado a coisas ruins e pode agir para conquistar resultados extraordinários.

Comum vs. Normal

Existe uma diferença essencial entre o que é o comum e o que é normal.

O normal nos leva a atingir o que almejamos por meio de ações positivas. Já o comum é tudo aquilo que fazemos de forma instintiva, mas que pode ser evitado.

Não confunda os dois conceitos.

A Felicidade é Parecida Para Todos

A felicidade se fundamenta em aspectos que são comuns para todos. Então não é mais difícil para você alcançar a felicidade do que outras pessoas.

Existem determinados aspectos em todos os seres humanos que, de maneira geral, os farão felizes, por isso precisam ser trabalhados.

Portanto, aja. É preciso agir para ser feliz.

Cuidado Com as Histórias

Para agir você precisa criar menos histórias, estruturas verbais, mentais e linguísticas que explicam e justificam os seus fracassos e falhas.

Ter essa noção ajuda você a encarar a vida com mais autorresponsabilidade, conceito fundamental para Paulo Vieira.

Quais desculpas você tem dado para si mesmo que te impedem de correr atrás do que você deseja?

Aja Massivamente

É necessário agir de forma constante, a partir de uma análise de fatos e dados, buscando sempre atingir todos os pontos que não funcionam.

É disso que se trata o poder da ação.

Quando age uma única vez, impulsivamente, e busca resultados imediatos, você está se iludindo e tirando de si mesmo a responsabilidade da ação.

Quem é Responsável?

Tudo o que você alcançou até o momento foi obtido através do seu mérito, das suas escolhas, conscientes ou inconscientes, e ações.

Você é responsável pelo destino que alcançou e alcança.

Se você não está satisfeito com o local onde está ou deseja mais, é preciso assumir a autorresponsabilidade para agir de forma diferente.

Paulo Vieira aborda 6 leis que, quando transformadas em hábitos consistentes, farão com que você transforme a si mesmo abraçando a autorresponsabilidade.

1.     Não Criticar as Pessoas;

Uma crítica só terá proveito se houver uma sugestão de melhoria. Abandone o hábito de criticar apenas por criticar.

2.     Não Reclamar Das Circunstâncias;

Não está satisfeito? Dê uma sugestão do que pode ser feito para mudar a situação. Se não houver sugestão, não reclame apontando defeitos.

3.     Não Buscar Culpados;

Não perca tempo procurando responsáveis quando você pode usá-lo para encontrar soluções. Encontre a solução.

4.     Não se Fazer de Vítima;

Assuma uma posição de vencedor, em vez de assumir papéis de vítima. Aja como um vencedor em todas as pequenas ações da sua vida.

5.     Não Justificar Seus Erros;

Enquanto justifica seus erros você continua errando e perde a oportunidade de aprender com eles. Entenda as lições que os erros ensinam, para não repeti-los mais, e aja diferente.

6.     Não Julgar as Pessoas.

Pare de julgar as pessoas e comece a analisar as atitudes delas. Não julgue a pessoa, julgue a atitude. Isso faz a diferença na sua busca pelas soluções.

Uma boa estratégia para conseguir transformar estas leis em hábitos é imprimir as seis leis e colocar o documento em um lugar facilmente visível.

Praticando a Autorresponsabilidade

Quando você começa a entender que as oportunidades se constroem – e não caem do céu – você começa a agir mais para alcançar as coisas que deseja.

A principal forma de você agir de modo responsável é parar de tentar mudar os outros, o que é praticamente impossível, e focar no que você pode mudar em si.

Além disso, para gerar mudanças é necessário desenvolver o foco. Ou seja, aprenda a focar a sua energia em um único ponto, sem dispersá-la.

O foco, porém, não precisa ser direcionado para uma única área da vida. Lembre-se a abundância é possível, portanto você pode ser feliz em várias áreas da sua vida, sem sacrificar uma área em função de outra.

Mas quem tem foco suficiente para conseguir obter mudanças em todas as áreas são as pessoas maduras, que desenvolveram plenamente o senso de responsabilidade e conseguem, de fato, manter o foco. Elas não se distraem.

O foco entra na rotina da sua vida, a rotina da excelência onde desejar ir atrás daquilo que é melhor é tão comum quanto acordar e escovar os dentes.

Além disso, em meio à busca do que você deseja, é importante que você tenha um tempo de reflexão que permite aguçar sua criatividade.

Reserve o fim de semana para relaxar a cabeça, se desligar da rotina pré-programada e deixar a criatividade fluir.

Foco Múltiplo

Existem 3 “focos” essenciais que precisamos desenvolver:

  • Foco visionário: ter clareza e enxergar com nitidez o que almeja;
  • Foco comportamental: ter energia para gerar mudanças externas e internas, que você obtém através de três canais neurológicos: comunicação, pensamento e sentimento.
  • Foco consistente: manter os dois focos anteriores pelo tempo suficiente para obter o que almeja, se desviando das distrações e persistindo para realizar mudanças.

Encarando Passado, Presente e Futuro

O passado tem o poder de gerar esperança ou desesperança. Isso não depende do que aconteceu, mas sim de como você pretende usar essas lembranças.

Aproximadamente 10% do seu foco precisa estar no passado.

O presente se faz de ações e comportamentos, diferente do passado e futuro que estão mais relacionados com nossa mente. Quando mais você foca no passado, mais se esquece de agir no hoje.

Por isso o seu foco no presente deve ser de 65%.

Com o futuro você se conecta através de imagens mentais. Mas, mesmo sendo uma projeção da imaginação, essa visão do futuro tem grande poder sobre você e suas ações e por isso você deve destinar 25% do seu foco para o futuro.

Regra 10/90

Para aprender a direcionar seu foco e colocar em prática a autorresponsabilidade é essencial entender que 10% do seu foco deve ser destinado ao acontecimento/situação e 90% ao que você vai fazer/sentir/pensar em relação ao que aconteceu.

Por exemplo, bater o carro representa apenas 10%. Os outros 90% correspondem ao que você irá fazer em relação aos 10%.

Atitude Vitoriosa

Segundo Paulo Vieira, ao colocar um sorriso no rosto e se comunicar com alegria quando for transmitir suas ideias e projetos, você começa a adquirir uma atitude vitoriosa com relação ao que tem planejado.

Uma comunicação feliz e entusiasmada é fundamental para que você atinja os seus objetivos.

Questionamentos

Enquanto planeja e traça seus objetivos é essencial questionar os caminhos e as metas que você almeja, para que você consiga ter mais foco, direcionando as suas ações para alcançar os seus objetivos.

  • O que eu quero é realmente adequado para mim e minha vida?
  • O que eu ouço dos outros faz parte dos meus valores e crenças pessoais?
  • O que eu tenho levado como conselho?
  • Quem me aconselhou sabe o que é o melhor para mim? Como ele sabe?
  • Mesmo que eu siga conselhos dos outros, isso me fará feliz? Eu nasci para isso?

Acredite

Se depois de tudo isso você ainda não acredite nas suas capacidades e poder de ação, na sua meta sendo realizada, nada adiantará.

Acreditar no seu objetivo, mesmo que muitos pensem ser impossível, é fundamental para que você se torne um realizador.

Você precisa visualizar, mentalizar e acreditar no seu objetivo todos os dias.

Resumo do Livro O Poder da Ação

E aí, gostou do resumo do livro O Poder da Ação?

Qual é a sua opinião sobre o livro?

Se você deseja comprar o livro, compre aqui agora.

Se quiser ler o próximo resumo, leia o resumo do livro Fora de Série: Outliers.

P.S.: Para baixar de graça o meu livro digital, As 7 Poderosas Crenças Para Viver Uma Vida Sem Limites, clique aqui agora.

Garanta agora seu livro grátis para descobrir e copiar as 7 crenças que todas as pessoas de sucesso cultivam.

Sobre o autor

Rafael da Luz

Não existem limites, existe conhecimento. Você se torna capaz de alcançar qualquer sonho na vida quando aprende a se desenvolver como ser humano. O desenvolvimento pessoal é o caminho para que você realize tudo o que mais deseja na vida. Por isso, engrandeça.

Adicione um comentário

Compartilhar
Twittar
WhatsApp
Pocket