Como Lidar Com Críticas: 5 Passos Práticos

Seu chefe nunca está satisfeito com você? Sua esposa sempre arruma uma forma de reclamar da sua organização? O seu marido constantemente se mostra insatisfeito?

A sensação é que todas as pessoas que te rodeiam sempre estão reclamando, cochichando e apontando seus defeitos?

É como se estivessem preparadas para “anotar” todas as suas falhas?

Se sim, bom, você vive uma vida normal.

Ninguém – absolutamente ninguém – consegue viver uma vida sem receber críticas por alguma coisa, sendo ela minúscula ou gigantesca.

Felizmente, acredite, você não é o único da fila que almeja saber como lidar com críticas.

O motivo é simples: as pessoas sentem uma enorme dificuldade em lidar de forma positiva e eficiente com os julgamentos de terceiros.

É algo natural, mas se você se identificou com as situações do início do conteúdo, o ideal mesmo é que você continue a leitura.

Afinal, dificilmente você está sendo perseguido, na verdade, parece apenas que por não saber como lidar, qualquer crítica acaba tomando um tamanho enorme para você.

Por isso, agora você vai entender como lidar com críticas de maneira rápida, simples e sem enrolação.

ATENÇÃO
Antes de continuar a sua leitura você pode baixar gratuitamente o meu novo livro digital As 7 Poderosas Crenças Para Viver Uma Vida Sem Limites clicando aqui.

Crítica Construtiva X Crítica Destrutiva

Primeiro, é importante dizer que não saber como lidar com críticas ou simplesmente reagir de maneira negativa é completamente normal.

A realidade é que não existe quem não torce o nariz quando é criticado por alguém.

Porém, de acordo com Dale Carnegie, no livro Como Fazer Amigos e Influenciar Pessoas, qualquer tolo pode criticar, condenar e reclamar, mas é preciso caráter e autocontrole para entender e perdoar.

É preciso tomar muito cuidado porque é muito fácil ficar enraivecido com uma crítica, falar meio mundo de palavras ofensivas, nunca admitir seus erros e deixar o sucesso da situação escorrer entre os seus dedos.

É mais complexo do que parece, e por esse motivo, antes de qualquer coisa, você precisa entender a diferença entre uma crítica construtiva e uma crítica destrutiva.

Ser criticado é frustrante, mas, às vezes, um julgamento, mesmo que seja ácido no início, pode ser de extrema importância para o seu crescimento.

Em outras ocasiões, no entanto, o julgamento não tem valia, já que é feito para humilhar, ofender e ferir você.

A diferença entre uma crítica construtiva e uma crítica destrutiva é a maneira que a crítica é feita.

Ambas vão contra o que você pensa, desafiando seus pensamentos, habilidades, ações ou caráter, mas a forma como é apresentada para você é o que definirá sua “categoria”.

Críticas destrutivas são rudes e ferem o orgulho, além de ter efeitos péssimos na sua autoestima e confiança. Sentir-se incapaz, com raiva e até pensar em ser agressivo é uma das consequências esperadas.

No caso das críticas construtivas, elas se parecem mais com um feedback útil para o seu crescimento, seja pessoal ou profissional.

Seus erros são apontados, muitas vezes, até de forma mais direta. Porém, soluções para que você melhore são sugeridas.

Críticas doem, afinal, tudo que vai contra o que somos ou pensamos costuma trazer um enorme desconforto, mas é muito mais fácil aceitar as críticas construtivas do que as críticas destrutivas.

Portanto, saiba diferenciá-las para, então, saber qual será a melhor ação.

Quando eu digo ação, me refiro sobre como você irá responder à crítica. Toda e qualquer forma de agressão é inadmissível, existem maneiras muito melhores – e pacíficas – de lidar com as críticas, mesmo que elas sejam destrutivas. 

Além disso, é importante sempre se esforçar em entender sobre qual crítica se trata, para que você não cometa o erro de categorizá-la sempre como destrutiva e anular sua chance de melhorar como pessoa e também como profissional.

Seja sensato quanto a isso.

Por Que as Pessoas São Tão Críticas?

Você já ouviu a seguinte frase?

As críticas revelam de forma frequente muito mais sobre o crítico do que sobre a pessoa que está sendo criticada

Antes que você respire aliviado pensando que já não precisa mais saber como lidar com críticas, já que o problema não está com você, mas sim com as pessoas que insistem em apontar o dedo na sua direção e dizer o que pensam, é melhor ter calma.

Você tem razão, o crítico não é um problema seu, pelo menos não diretamente.

A questão, no entanto, é que para que você saiba como receber críticas de forma tranquila, é necessário entender o que faz com que as pessoas sintam a necessidade de julgar as outras. Ou seja, entender pessoas críticas pode ser a chave.

Você sabe o que é a projeção?

Não, não é apresentação de imagens com ajuda do retroprojetor, como o dicionário sugere. Na verdade, projeção, na psicologia, é algo que explica passo a passo o motivo pelo qual existem pessoas tão críticas.

A projeção é um mecanismo de defesa psicológico que faz com que a pessoa, no caso, o crítico, rejeite seus próprios problemas atribuindo-os – projetando-os – às outras pessoas, podendo ser um traço ou qualquer outra coisa que seja considerado desagradável, inaceitável ou indesejado.

As pessoas críticas possuem falhas e tentam escondê-las com esse moralismo extremamente rígido. É uma questão profunda que precisa de ajuda médica.

Saber disso te ajuda um pouco a aceitar e entender melhor as críticas, mas para que você consiga lidar muito bem, de fato, com todas as críticas, eu tenho uma dica excelente.

Não é uma tarefa fácil, mas é simples.

A Melhor Maneira Para Lidar Com Críticas

Para lidar com pessoas críticas basta que você preze pelas soluções.

Se você receber uma crítica construtiva, agradeça internamente, porque você recebeu uma oportunidade para melhorar e evoluir.

Por outro lado, quando qualquer crítico destrutivo vier na sua direção “vomitando” uma série de julgamentos, ressaltando todas as falhas e problemas possíveis, solicite sugestões sobre como resolver cada problema ou falha mencionada.

Afinal, se é uma pessoa que consegue identificar os pontos negativos, com certeza saberá como resolvê-los.

Talvez você veja uma mistura de raiva com constrangimento passando pelo olhar do crítico, mas essa é a ideia, mostrar que não basta apenas ser um “detector de falhas”, mas um “solucionador de problemas”. 

O Terceiro Tipo de Crítica

Até aqui, provavelmente, você já conseguiu diferenciar uma crítica destrutiva de uma crítica construtiva e entendeu como lidar com elas.

Porém, algo que você ainda não sabe é sobre as críticas irrelevantes.

Como você percebeu, caso uma crítica seja destrutiva, você pode desafiar o crítico pedindo sugestões sobre como o problema apontado pode ser resolvido.

Já na crítica construtiva, você simplesmente pode parar por um minuto, absorver o feedback e aprender com ela.

Agora, e quando a crítica não tem nexo?

As chamadas “críticas irrelevantes” devem ser ignoradas, afinal, são julgamentos que não possuem o menor sentido, geralmente feito por pessoas extremamente críticas, que parecem sentir prazer em julgar qualquer um, independentemente do tamanho do problema.

Talvez você pense que por ser uma crítica irrelevante, pensar em uma resposta à altura seja a melhor opção, mas acaba não sendo.

Por qual motivo você deveria se preocupar em pensar em uma resposta para uma crítica que “não tem pé nem cabeça”?

Simplesmente ignore.

Muitas vezes, em todos os tipos de críticas, não é fácil conseguir recebê-las, aceitá-las e tomar a melhor atitude.

Por isso você precisa aprender a lidar com críticas de forma eficaz.

Então eu tenho mais algumas excelentes dicas neste sentido.

Como Lidar Com Pessoas Críticas

A ideia não é deixar de lado os julgamentos.

Na verdade, muito pelo contrário, você deve apenas entender como lidar com as críticas tornando-as menos dolorosas e identificando quais os pontos devem ser levados em consideração para o seu crescimento.

Para você lidar bem com críticas, siga os 5 passos seguintes.

1. Enfraqueça Suas Defesas

Ouvir o que não concordamos ou não gostamos é uma tarefa difícil, o que faz com que, quase que automaticamente, a defesa seja ativada.

Estar na defensiva faz com que qualquer crítica, seja ela destrutiva, construtiva ou irrelevante, gere um terremoto de sentimentos.

Ao invés de ligar o alerta no primeiro sinal de uma crítica, enfraqueça suas defesas e deixe de lado os exageros, pensamentos negativos e distorções.

Você só vai conseguir identificar qual é a melhor forma de lidar com a crítica recebida, caso seja receptivo.

Portanto, faça um esforço tremendo para ouvir atentamente cada ponto do julgamento antes de pensar em se defender.

2. Mantenha Sua Respiração

Respirar é uma atividade necessária, já que é por meio dela que nos mantemos vivos.

Só que, além disso, respirar diminui a adrenalina, acalma os ânimos e acaba trazendo uma clareza enorme de pensamentos.

Já percebeu que quando você começa a sentir raiva, você prende a respiração?

Pois bem, o início da defesa é no corpo. Estar alerta e tenso faz com que você não seja capaz de raciocinar a respeito das informações que você está recebendo.

Controlar a respiração, ou melhor, observá-la é a sua melhor chance de se manter tranquilo, forte e capaz de lidar com as críticas.

Antes de pensar em dar uma resposta, perceba se você está no seu ritmo de respiração normal.

Caso não esteja, se esforce para normalizá-lo, neutralizando a adrenalina e trazendo a calma de volta.

3. Apenas Entenda

Ao invés de deixar sua mente ser inundada por insultos quando está recebendo críticas, o melhor que você pode fazer é não tentar se defender, ouvindo apenas para descobrir o que você concorda.

Já pensou sobre isso?

Assim que receber uma crítica, você já imaginou que, ao invés de odiar as pessoas que estão te julgando, você simplesmente pode ouvir e ver o que, para você, faz sentido?

Não tente interromper, discutir, reclamar, corrigir fatos ou até dizer o quanto está cansado, apenas ouça e entenda o ponto.

Se você possui razão para discordar ou acredita que a pessoa está enganada em relação a algum ponto exposto, ao final você pode falar sobre os pontos que concorda e também sobre os pontos que discorda.

4. Quando Não Quiser, Não Ouça

Se você não quiser ouvir uma crítica, simplesmente não ouça.

Sempre que quiser você pode dizer para a pessoa que você não pode ter a conversa no momento, falando algo como: “Eu entendo que você quer me deixar saber sobre a sua opinião e eu agradeço, mas agora estou ocupado, então não vou conseguir ouvir com a atenção que você deseja. Vamos deixar para uma outra hora”.

Escolha um dia e hora para ter essa conversa, assim, você conseguirá se preparar melhor e também conseguirá lidar com as críticas de forma mais natural.

5. A Sua Verdade em Consideração

Você pode – e deve – falar para o crítico sobre como você enxerga determinada situação.

Falar a sua verdade pode ser uma ótima ação, mas é bom ter cuidado para que isso não seja uma desculpa para nunca ouvir e absorver os feedbacks.

A realidade é que somos diferentes e temos opiniões diferentes, então você não precisa se ajustar na “caixa” das outras pessoas, sempre ouvindo e acatando absolutamente tudo que julgam ser o melhor para você.

Se você sabe que o crítico está exagerando, enganado ou enxergando um problema onde não existe, apresente seu ponto de vista.

Pode ser que falar no momento que você está sendo criticado não seja uma boa opção. Então separe um tempo, quando você sabe que estará calmo, controlado e convicto do que irá dizer para iniciar uma conversa e dizer o que você pensa.

Lembre-se que até os assuntos mais complexos e delicados podem ser abordados com gentileza e sutileza, então escolha bem suas palavras.

Conclusão

Não importa qual crítica você receba, sempre é possível parar por um momento para refletir sobre ela, fazendo o máximo para retirar um ponto positivo.

Mesmo quando uma crítica é dada sem consideração ou com a intenção de te machucar, acredite, ainda pode existir alguma verdade nela – e você pode aprender com isso.

Portanto, pense bem antes de julgar uma crítica como destrutiva ou irrelevante. Antes de fazer isso, dê alguns passos para trás e tente enxergar a situação com outros olhos.

Porque senão, também, você ficará sempre refém de críticas e sempre permitirá que sua emoção seja sequestrada por ela. E ninguém quer isso, não é mesmo?

A vida é uma grande oportunidade para você crescer, então não fique na defensiva, esteja disposto a ouvir, analisar e sempre retirar pontos positivos e aprendizados das críticas que receber.

É assim que você aprende como lidar com críticas da melhor forma possível.

Garanta agora seu livro grátis para descobrir e copiar as 7 crenças que todas as pessoas de sucesso cultivam.

Sobre o autor

Rafael da Luz

Não existem limites, existe conhecimento. Você se torna capaz de alcançar qualquer sonho na vida quando aprende a se desenvolver como ser humano. O desenvolvimento pessoal é o caminho para que você realize tudo o que mais deseja na vida. Por isso, engrandeça.

Adicione um comentário

Compartilhar
WhatsApp